Home Ufologia Uma frota de óvnis visitou o Brasil, confirmado pela Força Aérea.

Uma frota de óvnis visitou o Brasil, confirmado pela Força Aérea.

por Redação Momento Critico 31/01/2018

No dia 19 de maio de 1986, diversas áreas do Brasil foram invadidas por objetos voadores não identificados, Uma frota de óvnis visitou o Brasil. A chamada Noite dos ÓVNIS começou quando radares da Força Aérea Brasileira registraram o aparecimento de 21 objetos desconhecidos. Na época, vários relatos surgiram de civis, militares e de emissoras brasileiras. Episódios relacionados a esse evento foram vistos em São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e Goiás.

Uma frota de óvnis visitou o Brasil, confirmado pela Força Aérea

Curiosamente, além do aparecimento dos ÓVNIS, algo que impressionou muito, foi o fato que as Forças Armadas, assim como o governo nacional, foram (em teoria) muito transparentes sobre os eventos. A Aeronáutica e boa parte dos envolvidos nas ocorrências daquela noite foi a público para dar explicações sobre o episódio. Destaca-se que todos os militares ressaltaram que não sabiam do que se tratava. Ou seja, desculpas absurdas não foram dadas.

O envolvimento dos Estados Unidos no evento apenas aumentou a curiosidade por parte da população em geral e de entusiastas de ufologia.

Força Aérea autorizada a abrir fogo

Na noite do ocorrido, a Força Aérea Brasileira foi convocada não apenas para investigar a situação. Mas também para intervir com poder de fogo se fosse o caso.

Entre as aeronaves usadas pela Aeronáutica estavam caças Dassault Mirages III e o avião Northrop F-5E Tiger II. Estes modelos atingem velocidades supersônicas. Mesmo assim, de acordo com relatórios divulgados pela Força Aérea, os ÓVNIS os ultrapassavam e alcançavam velocidades três ou quatro vezes superior  à dos caças.

Alguns relatos apontaram que os objetos voadores não identificados chegaram a atingir 40.000 km/h. Em um primeiro momento, o processo de perseguição dos ÓVNIS realizado pelos jatos brasileiros durou aproximadamente três horas. Após as tentativas iniciais para alcançá-los a Aeronáutica enviou outras cinco aeronaves para dar apoio. Foram mais quatro horas em um jogo interminável de ‘gato e rato’ entre os caças e a frota de óvnis nos céus do Brasil.

Os fatos

O primeiro a notar a presença da frota de óvnis foi o controlador de voo Sérgio Mota da Silva. O profissional avistou os pontos luminosos no céu durante o seu turno. Apesar de parecerem estrelas, ele percebeu que o radar da torre os registrava. Ao analisar o primeiro ponto de luz Mota entrou em contato com o piloto Alcir Pereira da Silva. O piloto passaria pela rota dos objetos uma vez que estava em viajem com Ozires Silva, presidente da Embraer na época.

O piloto Alcir estava indo de Brasília para a cidade de São José dos Campos (SP) a bordo de um avião modelo Xingu. Após 28 anos, o áudio das conversas entre o piloto e a torre de controle naquela noite foi divulgado. Alcir relatou que conseguiu avistar os objetos, mas que, ao se aproximar eles mudavam de posição a uma velocidade muito grande.

Várias áreas do país

Naquela noite de 19 de maio não havia como esconder o que estava acontecendo. A frota de óvnis estava sendo vista em várias áreas do país. Além disso, qualquer pessoa que estivesse um pouco atenta aos céus poderia vê-los. Até cinegrafistas de canais de televisão filmaram os objetos. Esse, foi o caso de um profissional da TV Cultura que, para provar que era mesmo algo não identificado filmou o ÓVNI e a lua que estava em quarto minguante na sua direita.

Com relação a registros fotográficos apenas um foi feito por um profissional de São José dos Campos. Curiosamente, acabou confiscado pela NASA. Aliás, as fotografias nunca foram recuperadas pelo governo brasileiro ou pelo fotografo. Segundo ele “À época um cientista que se dizia da NASA, foi ao jornal recolher o negativo desse material para análise. Era o único registro que tínhamos do que aconteceu naquela noite. Eles nunca devolveram esse material ou apresentaram um parecer sobre a análise das imagens”.

Mesmo sem ter os filmes originais em mãos, o fotógrafo tem registro do que foi veiculado, ainda em preto e branco, no jornal do dia 20 de maio.

O controlador Sérgio Mota, o primeiro a perceber as luzes, teve sua vida marcada por esse evento. Atualmente, com 60 anos, está desligado da FAB e concedeu diversas entrevistas para programas jornalísticos da TV brasileira. Na época do ocorrido, Mota recebeu ordens de seus superiores para que não tocasse no assunto com ninguém. Nem mesmo com colegas de trabalho.

Aparelhos confundiam os radares

Em entrevista para um jornal, Mota explicou. “Nesses eventos, possíveis inimigos usam aparelhos para confundirem o radar, colocando pontos de luz. Eles se confundem com aviões e bagunçam o controle do espaço aéreo. Apesar da explicação, esses pontos não poderiam ser vistos por olhos humanos, diferente do que aconteceu naquele dia”.

Em 2009 alguns estudiosos de ÓVNIS do Brasil conseguiram obter uma parte da cópia do relatório referente à investigação daquela noite incomum.

Uma frota de óvnis visitou o Brasil, confirmado pela Força Aérea

Lei de Liberdade de Informação

Em trecho conclusivo desse relatório, cujas partes foram divulgadas por meio da Lei de Liberdade da Informação.

“Em face aos fatos observados em quase todos os avistamentos, o Comando apresenta que os fenômenos são sólidos e refletem algum tipo de inteligência, devido à capacidade de rastrear e manter a distância dos observadores, e também pela frota de óvnis estar voando em formação, embora não necessariamente tripulados.”

De fato, o Brasil foi e ainda tem sido foco para episódios envolvendo Objetos Voadores Não Identificados. Nesse cenário, a Noite da frota dos óvnis foi um dos incidentes mais bem documentos oficialmente e de forma intensa. Nos últimos anos, gravações de áudio e vídeos começaram a ser divulgadas em diversos sites na internet.

Noite oficial dos óvnis, frota de óvnis

Neste vídeo, é possível ver como foi o comportamento da Força Aérea e a narração dos fatos minuto a minuto.

Sem dúvida alguma, o evento que ficou conhecido e divulgado pela mídia como a Noite Oficial dos ÓVNIS no Brasil entrou para o rol das mais importantes manifestações ufológicas no mundo. Por meio dele, a existência de Objetos Voadores Não Identificados tornou-se um fato para muitas pessoas no país e no mundo.

Você pode gostar também de ver. ET de Varginha, a história mal contada!

Marque seus amigos e deixe um comentário com a sua opinião!

 

Notícias Relacionadas

Gostaríamos de saber a sua opinião. Comente!